Debate com sociedadesobre a reforma administrativa

“Uma outra grande questão dessa Reforma é que ela é muito genérica, excessivamente genérica em coisas que não poderia ser!”

Em entrevista para o Mulheres de Luta, Gabriela Lotta, pesquisadora da Fundação Getúlio Vargas, fala um pouco sobre as indefinições envolvendo a Reforma Administrativa.

Conforme destaca, a proposta é muito vaga em relação a suas determinações, deixando várias questões sem definição, o que dificulta o debate com a sociedade.

Gabriela Lotta destaca que, por esse motivo, muitos servidores não sabem como se posicionar em relação ao disposto, o que é um grande desafio.