Mulheres e migracão

“De uma perspectiva institucional, o Museu da Imigração passa a ser gerido pelo Instituto de Difusão e Preservação da História do Café da Imigração em 2010. Passa por um grande restauro, reposicionamento institucional e reformulação da exposição de longa duração. Ele reabre em 2014.”

A pesquisadora do Museu da Imigração do Estado de São Paulo, Maria Angélica Beghini, falou ao Mulheres de Luta sobre o projeto “Mulheres em movimento: migração e mobilização feminina no estado de São Paulo”. Desde 2015 o projeto realiza inúmeras ações e, em 2021, o Museu pretende intensificar o olhar sobre as mulheres na migração do passado e do presente.

Para tanto, Maria Angélica conta como as transformações ocorridas entre 2010 e 2014 no Museu da Imigração, inclusive quanto à uma perspectiva mais dinâmica, contribuíram para estimular a presença de mulheres liderando ações no museu, realizando rodas de conversa, cursos de capacitação, seminários, entre outras iniciativas.

O projeto “Mulheres em Movimento” busca refletir sobre o processo migratório e a experiência da mobilidade na perspectiva feminina e de gênero. Para conhecer mais sobre as histórias das mulheres retratadas no Museu da Imigração, bem como a história das mulheres que resgatam essas histórias, assista ao vídeo.